Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CINEBLOG

CINEBLOG

"Spider-man 3"



"This could be the end of Spider-Man"


Não sei o que poderá ter acontecido ao Sam Raimi. Depois dos dois primeiros capítulos da saga, tudo deixava antever uma excelente terceira parte, e um perfeito finalizar de uma trilogia de um super-herói que se poderia tornar num dos mais bem adaptados para o grande ecrã.

O primeiro filme foi o grande impulsionador do super-herói / humano (trabalho excelentemente continuado no segundo) . O super-herói deixou de ser tratado como um personagem uni-dimensional, para ser visto como um ser humano com conflitos, dúvidas existênciais, e dificuldades em conjugar o papel de herói e de ser humano.

Ora, tudo isso parece ter sido esquecido nesta caricatural terceira parte. Sinceramente parece que estamos a ver outra saga. Existem demasiadas personagens, tramas e mudanças de género para a coisa funcionar bem. De um momento de acção pura e dura, passamos para um comic relief completamente despropositado; o romance deixou de existir (existem sim cenas onde se falam de sentimentos de uma forma mais do que superficial, longe da profundidade emocional dos anteriores capítulos); grandes conceitos são resolvidos da maneira mais insatisfatória possível, e existem cenas completamente idiotas (a substância simbiótica deveria servir de base para se desenvolver uma reflexão sobre o lado agressivo e complexo da personalidade de Peter Parker, não torná-lo num palhaço com um penteado estúpido).

Personagens prometedores foram completamente destruídos (e nessa lista incluo Harry Osborn e a sua obsessão por vingar a morte do pai), e mexeu-se em momentos do passado que deveriam ter ficado como estavam (Thomas Haden Church fez tudo ao seu alcance para tratar bem de Sandman, mas a sua origem e as suas motivações deixam muito a desejar).

Venom fez a tão esperada aparição com uma grande aspecto, mas, mais uma vez, tratado completamente às três pancadas... Vale pelo visual, e por aquilo que poderia ter sido...

"Spider-man 3" perdeu a essência da saga, e tornou-se num filme banal, que, apesar de grandes momentos de acção e uma ou outra cena bem conseguida (o momento em que Sandman se ergue da areia é notável), não pôde deixar de me recordar o trabalho se um certo Schumacher com um certo super-herói...

(5/10)

Siga-nos:

Blogue a 24fps que não necessita de óculos 3D. Online desde 2003.

Pesquisar

 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.